Resenha: Trilogia Encantados - Livro I - O Garoto dos Olhos Azuis

23:48:00





Título: O garoto dos olhos azuis
Autora: Raiza Varella
Editora: Pandorga
Páginas: 352
Comprar: SaraivaAmazon




Sinopse: O Príncipe encantado existe?
Bárbara é linda, loira e bem-sucedida. Desde que assistiu a uma cerimônia de casamento pela primeira vez, ainda criança, seu sonho é apenas um: percorrer o tapete vermelho da igreja, vestida de noiva. Porém, contrariando todas as suas expectativas, ao ser abandonada no altar, a vida de Bárbara desmorona. Ela decide voltar à cidade natal e passa a viver com os irmãos e mais dois amigos. Todos homens. Com a ajuda de Vivian, uma espécie de Barbie Malibu, Bárbara tenta superar sua decepção amorosa recente e uma da adolescência, que volta com tudo à sua memória: o garoto dos olhos azuis. Será que o cavalo branco só passa uma vez? É isso que Bárbara vai descobrir com bom humor, jogo de cintura e uma pitada de neurose, em O Garoto dos Olhos Azuis, romance de estreia de Raiza Varella.

O que eu penso sobre: Nossa, eu amei esse livro! :D

Eu queria ler esse livro há um bom tempo, mas nunca tinha a oportunidade...Confesso que no começo eu tinha aquele receio de ser um New Adult, um gênero que não curto muito, mas acabei desencanando, lendo e me apaixonando! E não é esse gênero... Tá mais para um romance, meio engraçado, meio dramático...

Como a sinopse diz, Bárbara é uma garota bonita, bem-sucedida, e que sonhava em ter o seu dia perfeito, aquele em que toda mulher - ou quase toda - sonha: O casamento. 
Quando criança, Bárbara criou uma "tradição": Num casamento, ao invés de olhar para a entrada triunfal da noiva, ela observava o noivo, e assim, julgava se o casamento daria certo ou não. Pelo amor e sinceridade passados no olhar e expressão do noivo.

O tempo passou, ela cresceu, e encontrou um cara que aparentemente seria o seu príncipe encantado, o cara certo, o noivo que olharia para ela com amor e devoção, no altar. Porém, as coisas ficaram bem complicadas e ela descobriu, da pior forma possível, que o tal cara era tudo, menos o seu príncipe.

Desiludida, magoada e ressentida com as amigas - que se diziam amigas... -, Bárbara acaba indo morar com seus dois irmãos mais velhos, que dividiam um apartamento com mais dois rapazes. E é aí, que tudo vai se encaixando, e tornando a história legal e apaixonante.

O livro é narrado em primeira pessoa, e isso nos dá apenas a perspectiva da protagonista, que é uma mulher não tão segura de si como a maioria das "mocinhas" que estou acostumada a conhecer... E apesar dela me passar essa insegurança - em aceitar a aproximação dos outros, em confiar nas pessoas... - , não influenciou em nada, pelo contrário, acho que me aproximou ainda mais. Eu entendi suas desconfianças em acreditar novamente no amor, na amizade...

Alguns personagens se destacaram, entre eles os irmãos de Bárbara, protagonistas dos próximos livros. Cada um com uma personalidade diferente, cada um cativante a seu modo. 

O romance entre Bárbara e Ian, um dos amigos de seus irmãos, é normal, de um jeito bom. Ele é um cara bonito, atraente, gentil...  E as coisas acontecem naturalmente, não é um romance forçado e repentino.

A história é contada lindamente. A escritora criou vários artifícios e situações que me prenderam a leitura de um jeito viciante. Eu precisava terminar de ler e saber o que aconteceria, mas ao mesmo tempo não queria que acabasse.

Por ler em e-book, não posso dar a minha opinião sobre a diagramação, mas a capa é maravilhosa e faz referência à citações do livro.

Enfim, eu diria que, esse livro é para aqueles que gostam de romances, reviravoltas surpreendentes e situações engraçadas. 

"Nunca se ressinta, nunca desista. O cavalo branco só passa uma vez e não volta, mas não é tão fácil assim de enxergá-lo."





E é isso, beijos!

You Might Also Like

6 comentários

  1. Oi, Midi!
    Eu estou com esse livro pra ler e ele é o próximo na leitura.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que legal!!! Leia, acho que vai gostar! :D

      bj

      Excluir
  2. Oi Midi!
    Que resenha mais amorzinho c:
    Sinceramente, pelo título, esse livro não me chamaria muito a atenção, porque eu acho meio genérico e sem criatividade, rs, maaaaas tudo o que você falou na resenha mudou minha opinião sobre ele.
    Acho meio estranho a protagonista ir morar com os irmãos, rs, mas vai que tenha uma boa explicação (além de ser essencial para a trama)?
    Fiquei super curiosa para saber mais do romance...
    Beijos,

    http://lucyintheskywithbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rê!
      Hehe, que bom que gostou! :D
      Ah, é bem legal mesmo.
      Hahaha, sim, é essencial para a trama, mas meio que é estranho mesmo.

      Beijos!

      Excluir
  3. Tenho uma curiosidade nessa trilogia mais por causa das capas mesmo e nem parei para pensar em que gênero seriam as obras, gostei do que você mencionou da obra, não tem nada de extraordinário mas mesmo assim encanta!

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é bem legal. As capas são lindas!!!

      Excluir