Resenha: Corte de Espinhos e Rosas - Livro I - Corte de Espinhos e Rosas

16:06:00





Título: Corte de Espinhos e Rosas
Autora: Sarah J. Maas
Editora: Galera Record
Páginas: 434
Comprar:  Amazon, Saraiva



Sinopse: Em Corte de Espinhos e Rosas, um misto de A Bela e A Fera e Game of Thrones, Sarah J. Maas cria um universo repleto de ação, intrigas e romance.
Depois de anos sendo escravizados pelas fadas, os humanos conseguiram se libertar e coexistem com os seres místicos. Cerca de cinco séculos após a guerra que definiu o futuro das espécies, Feyre, filha de um casal de mercadores, é forçada a se tornar uma caçadora para ajudar a família. Após matar uma fada zoomórfica transformada em lobo, uma criatura bestial surge exigindo uma reparação.
Arrastada para uma terra mágica e traiçoeira que ela só conhecia através de lendas , a jovem descobre que seu captor não é um animal, mas Tamlin, senhor da Corte Feérica da Primavera. À medida que ela descobre mais sobre este mundo onde a magia impera, seus sentimentos por Tamlin passam da mais pura hostilidade até uma paixão avassaladora. Enquanto isso, uma sinistra e antiga sombra avança sobre o mundo das fadas e Feyre deve provar seu amor para detê-la... Ou Tamlin e seu povo estarão condenados.

O que eu penso sobre: Preciso falar sobre esse livro, muito mesmo!

Já ouvi falar muuuito da autora - é a mesma da série tão conhecida Trono de Vidro - , mas nunca tinha lido nada dela, até então. E agora, estou apaixonada. Quero ler essa série, e todas as outras já escritas por ela, haha.

Feyre é uma garota não tão comum como poderia ser. Além de ser a única provedora da casa onde mora com o pai e duas irmãs - mais velhas, veja só! -, e morar em um vilarejo pobre e que sofre com o inverno, ela sustenta a família através da caça, o que não ajuda muito na época em que a neve se alastra e os bichos se escondem.

Em uma de suas caçadas, ela mata dois animais: Um cervo e um lobo.

Isso por si só não seria grande coisa, porém, no passado, os humanos eram dominados por fadas, e depois de uma guerra sangrenta, houve uma separação de raças, humanos para um lado da fronteira, fadas para o outro.
Algumas fadas tinham o poder de se transformar em outros seres, e o lobo em questão era uma fada.

Como forma de punição, Feyre é levada para a Corte Primaveril, por Tamlin, um féérico mais poderoso do que aparenta ser, e assim começa a "jornada" da protagonista.



Gostei demais! Sou apaixonada por releituras, sempre me deixam fascinada, e dessa vez não foi diferente.

Os personagens são contagiantes, alguns engraçados, sarcásticos, apaixonantes.

O modo como a autora desenvolveu a história me fez acreditar na verdade que ela escreveu. Gosto desse tipo de escrita, apesar de ter uma enrolaçãozinha no começo, o final valeu a pena.

Como li em e-book, não sou capaz de opinar sobre a diagramação, mas a capa é bem bonita.


" Mesmo quando queimarem meu corpo, vou amar você."




E é isso, beijos!!

You Might Also Like

8 comentários

  1. Do tipo de livro que eu gosto!
    A capa é linda e a história é ótima!
    Amei a resenha!

    Um beijo.
    www.anneabreu.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é uma história bem legal, e que bom que tem continuação, porque o final me deixou mega curiosa, haha.

      Obrigada!

      Excluir
  2. Oi Midna, tudo bem? Vi que esse livro tem no catálogo do Kindle Unlimted e pretendo ler. Só queria saber se há várias reviravoltas e revelações, porque eu amo essas duas coisas hahaha!

    Beijos!

    http://compaixaoliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,tudo ótimo! Sim, há algumas revelações, mas pelo que ouvi falar, haverá mais revelações e reviravoltas no 2° livro. ;)

      beijos!

      Excluir
  3. Oi Midi!
    Então você está descobrindo como a Sarah J. Mass é destruidora, hein? Já li todos os livros de Trono de Vidro lançados até agora, e eu adoro eles, embora a personagem principal seja meio trouxa de vez em quando, rs. Os outros compensam.
    Mas enfim, vamos falar sobre Corte de Rosas e Espinhos, que eu também estou doidinha para ler: a protagonista é legal? Ou é meio hipócrita como outras *pigarro* Celaena *pigarro*? Parece que a Sarah J. Maas tem o dom de construir lugares, histórias e personagens incríveis, desde que eles não sejam o principal, e isso me incomoda um pouco.
    Se o feérico será parecido com o que conheci no terceiro livro do Trono de Vidro... estou preparada para me apaixonar. De novo, rs.
    Beijos,


    http://lucyintheskywithbooks.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sempre fico querendo ler essa série, mas até então não tive a oportunidade... :(

      Ah, eu gostei dela - da protagonista. Se bem que eu gosto de todo tipo de protagonista, hahaha, então sou suspeita. Espero que goste!

      Hahaha!

      Epa, quem é esse feérico? Pelo que ouvi falar, o segundo desconstrói tudo, de um jeito melhor ainda, então parece que vou me apaixonar por outros feéricos também, hahah.

      Excluir
  4. Eu sempre passo por esse livro e paro na capa, fico tentada a ler hauihaihaiuaha
    eu não conheço a autora e simmmmmmm sempre encontro elogios.
    E agora com essa resenha, preciso ler mesmo né? rs

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, eu também ficava mega tentada, acho a capa bem bonita.
      Espero que goste! ;)

      beijo!

      Excluir